14 Fev

Instituto Mosap delibera por Encontro Nacional do segmento em maio

Publicada em: 14/02/2020

Por Solange Nunes

Edição: Nilza Murari 

Os dirigentes do SINAIT Benvindo Soares e Marco Aurélio Gonsalves participaram da reunião do Instituto Mosap – Movimento Nacional dos Servidores Públicos Aposentados e Pensionistas, que o Sindicato Nacional integra, nesta quarta-feira, 12 de fevereiro. Na pauta, entre vários assuntos, deliberação da realização do Encontro Nacional dos servidores públicos aposentados e pensionistas no dia 6 de maio. 

Além da realização do encontro, os representantes das entidades falaram da cobrança das alíquotas progressivas da contribuição previdenciária. Na nova Previdência, há um sistema de alíquotas que vão de 7,5% a 22%. Os trabalhadores que recebem salário maior vão contribuir com mais – até 14% no INSS e até 22% no serviço público federal. 

Outro tema foi o reajuste da contribuição da Geap Saúde em 12,54% neste mês de fevereiro. Os integrantes do movimento questionaram o índice e consideraram o reajuste alto. 

Debateram ainda a reforma administrativa, que ainda não foi apresentada pelo governo federal ao Congresso Nacional, mas que promete trazer medidas que prejudicarão os servidores públicos. 

Após a reunião, os representantes foram fortalecer o ato político “Pela Valorização do Serviço Público no Brasil” no auditório Nereu Ramos na Câmara dos Deputados. O ato foi organizado pela Frente Parlamentar Mista do Serviço Público, que o SINAIT integra, em parceria com as centrais sindicais e entidades representativas da sociedade civil. Veja aqui

Benvindo Soares considera essencial a união e a resistência das categorias dos servidores públicos contra os ataques do governo federal. “A atuação do servidor público é essencial para o cidadão brasileiro. A defesa dos servidores públicos é a defesa das instituições que fortalece e protege a democracia brasileira”.