16 Out

Editorial - Concluídas as eleições, a mensagem é de união da categoria

Publicada em: 16/10/2020

Na noite de 14 de outubro encerrou-se mais um processo eleitoral do SINAIT. A categoria escolheu, desta vez exclusivamente por sistema de votação eletrônico, os dirigentes da Diretoria Executiva Nacional – DEN e das Diretorias Executivas Locais – DELs das Delegacias Sindicais da entidade nos estados, além dos integrantes do Conselho Fiscal Nacional e dos Conselhos Fiscais Locais. Foi o 16º pleito desde a criação do Sindicato em 1988. 

Os integrantes da atual DEN ressaltam a expressiva participação dos filiados nesta eleição, em que 4.285 filiados estavam aptos a votar e 3.032 votaram efetivamente, demonstrando o interesse pela vida sindical. Foi um dos percentuais mais baixos de abstenção dos últimos anos, de apenas 29,2%.

As eleições, numa entidade sindical, são um momento privilegiado, de debate de ideias e exposição de projetos para a futura gestão. Ativos e aposentados participam de um exercício concreto da democracia, para fortalecer o Sindicato, coerente com uma história que é e sempre foi de muita luta.

Agora começa uma outra etapa, em que as convergências devem prevalecer sobre as divergências, pois os desafios estão à porta. Sejam questões internas da Fiscalização do Trabalho, do conjunto do funcionalismo, dos trabalhadores ou da sociedade, cada uma exige um tipo de abordagem. Sempre será o coletivo que dará força e respaldo às ações do SINAIT, com apoio e participação.

Aos dirigentes eleitos, a atual DEN deseja que realizem um trabalho em união com todos os Auditores-Fiscais do Trabalho, fortalecendo a rede capilarizada das Delegacias Sindicais, organizando a base, desempenhando e consolidando cada vez mais uma ação unificada e forte. Esse modelo descentralizado, adotado desde 2011, permite que a atuação sindical se multiplique e que novas lideranças surjam.

Enfim, a mensagem é de união, de trabalho conjunto e de constante debate de ideias para a escolha de boas estratégias de luta. A pandemia da Covid-19 obrigou ao distanciamento, à mudança de rotinas e procedimentos, tanto no SINAIT como na Auditoria-Fiscal do Trabalho. As soluções para a continuidade dos trabalhos foram encontradas e estão sendo a cada dia aperfeiçoadas pelas tecnologias existentes, em permanente evolução. Tudo o que é importante seguirá seu curso. A categoria será tanto mais forte quanto mais tiver interiorizado que,  juntos, o limite é o infinito.

Diretoria Executiva Nacional – DEN do SINAIT​