11 Jun

DS-SC: Artigo aponta relação entre precarização das relações de trabalho e a paralisação dos caminhoneiros

Publicada em: 11/06/2018

Por Andrea Bochi

Edição: Nilza Murari

A edição do jornal Notícias do Dia que circulou nesta segunda-feira, 11 de junho, trouxe artigo do Delegado Sindical do Sinait em Santa Catarina, Lucas Reis da Silva. No texto ele avalia os efeitos da precarização nas leis trabalhistas e a relação com a recente paralisação dos caminhoneiros.

Para o Auditor-Fiscal do Trabalho, a natureza do vínculo entre os motoristas autônomos e as empresas de transportes foi importante fator que contribuiu para o movimento. Além disso, essa relação, segundo Reis, dificulta a organização sindical dos motoristas, que não possuem representação sindical para atuar em sua defesa.

O Sinait sempre denunciou as mazelas e prejuízos advindos da reforma trabalhista e da Lei da terceirização, que precarizam as relações de emprego. Denunciou os prejuízos que as alterações na CLT provocariam, produziu documentos apontando inconstitucionalidades, participou de dezenas de audiências públicas para debater a reforma. O Congresso Nacional não ouviu e aprovou a Lei 13.464/2017. Os efeitos negativos já se fazem sentir com o aumento do desemprego e criação de empregos precários.

Leia o artigo completo aqui.